A sede da Arkema está localizada em Colombes, perto de Paris (França). O Grupo tem mais de 13000 funcionários e dedica-se à produção de químicos industriais especiais, assim como polímeros, PMMA (Poli Metil Metacrilato) e produtos de elevado desempenho como Rilsan® (PA 11), Rilsamid® (PA 12), Pebax® (TPE-A), Orgalloy® (PA alloy), Rilsan® T (PA 10.10), Rilsan® HT (PPA), Rilsan Clear (PA transparente), Kynar® e Kynar-Flex® (PVDF).

A origem da empresa remonta à década de setenta como ATO (Aquitaine Total Organico) – uma empresa detida pela Elf e a Total. Em 2004 quando a empresa se tornou independente, o nome foi alterado para ARKEMA. O Grupo Arkema foi lançado na bolsa de Paris em 2006. Como Grupo Global, a Arkema possuiu várias fábricas no continente Europeu, Norte Americano e Asiático.

A Arkema é muito forte no desenvolvimento de novos produtos que apresentam vantagens aos seus clientes. Atualmente a Arkema tem cerca de 1100 investigadores em 7 Centros de Investigação e Desenvolvimento na França, Estados Unidos da América e Japão.

A Arkema está fortemente dedicada ao desenvolvimento de produtos com base em recursos renováveis. Em 2011, a Arkema adquiriu a empresa Chinesa, Suzhou HiPro Polymers Co. Ltd. Esta empresa especializa-se na produção de polímeros de elevado desempenho bio baseados. A gama de produtos engloba Poliamidas de cadeia longa PA 6.10, PA 6.12, PA 10.10 e PA 10.12; todas comercializadas sob a marca Hiprolon®.

A gama de produtos Hiprolon® produzida pela Suzhou HiPro Polymers completa a gama de produtos de matérias – primas renováveis oferecida pela Arkema. Ainda antes da aquisição da Suzhou HiPro Polymers, a Arkema já possuía uma gama larga de polímeros de elevado desempenho baseados em recursos renováveis tais como, Rilsan® (PA 11), Pebax® Rnew (TPE- A), Rilsan® HT (PPA), Rilsan® T (PA 10.10) e Altuglas® Rnew (PMMA). Polímeros Bio-baseados permitem a redução do consumo de matérias-primas com origem em combustíveis fósseis, assim como redução de emissão de gases de estufa.