LCP – Polímeros de Cristais Líquidos

LCP, Polímeros de Cristais Líquidos, são uma família de resinas de elevado desempenho que possuem uma estrutura com moléculas longas, rígidas e extremamente orientadas. As propriedades dos LCP são influenciadas pela sua estrutura liquido-cristalina. As moléculas rígidas são orientadas no sentido do fluxo durante o processo de injeção e extrusão.

Esta estrutura molecular única resulta em várias propriedades excecionais dos LCP (Polímeros de Cristais Líquidos):

  • Estabilidade e precisão dimensional excecional.
  • Elevada resistência química.
  • Excecional resistência térmica em componentes de paredes finas.
  • Elevada rigidez em aplicações de paredes finas.
  • Baixo coeficiente de expansão térmica.
  • Inerente comportamento retardador de chama.

A estrutura única dos LCP (Polímeros de Cristais Líquidos) permitem ciclos de injeção extremamente rápidos, particularmente em secções finas.

Os LCP superam frequentemente materiais cerâmicos ou termoendurecíveis em aplicações complexas de paredes finas que requerem um desempenho superior ao envelhecimento por ação térmica. Peças moldadas com LCP apresentam estabilidade dimensional muito elevada até quando aquecidas entre 200 - 250°C. A Temperatura de Deflexão ao Calor de alguns graus de LCP (Polímeros de Cristais Líquidos) atinge os 300°C.

Os LCP (Polímeros de Cristais Líquidos) encontram-se disponíveis:

  • Não carregados/reforçados.
  • Reforçados com fibra de vidro.
  • Reforçado com fibra de carbono.
  • Cargas minerais.
  • Combinações carga/fibra.
  • Carregados com grafite.

Os LCP são normalmente selecionados para aplicações específicas ou mercados específicos com base nas suas propriedades chave.

Aplicações típicas dos LCP:

  • Diferentes componentes para o sector elétrico e eletrónico.
  • Aplicações de iluminação.
  • Estruturas barreira para combustíveis e gás.
  • Sensores.
  • Utensílios de cozinha resistente a altas temperaturas
  • Substituição de aço inoxidável em dispositivos médicos.