PLA – Biopolímero ácido poliláctico

O PLA ou Ácido Poliláctico é fabricado a partir da dextrose (açúcar) extraídas de materiais de fontes renováveis . É o bioplástico ou biopolímero mais popular e o único atualmente produzido numa fábrica à escala mundial. A Natureworks possui uma fábrica de 130 000 Ton em Blair, Nebraska, e produz PLA sob a marca Ingeo.

Fórmula química do PLA.

O PLA pode ser comparado com o PET-A e convertido nas mesmas linhas (moldação sopro, ISBM e termoformação). Existem também graus com MFI elevado que podem ser utilizados em aplicações moldadas por injeção onde pode representar um substituto do poliestireno (PS).

Este biopolímero é também adequado par extrusão de fibra onde pode apresentar-se como um substituto do polipropileno (PP).

O PLA pode biodegradar em determinadas condições. Os produtos de PLA (ácido poliláctico) podem ser compostados em instalações industriais onde o calor (70°C ou mais) e a humidade (min 70% HR) podem ser controlados. O material é higroscópico e necessita na maioria dos casos de secagem antes do processamento. Todos os graus possuem certificado de biocompostabilidade EN12342.

O material é frequentemente utilizado em misturas e compostos para melhorar as suas propriedades.

Graus standard de PLA são transparentes e apresentam elevado brilho..

Aplicações típicas do PLA (Ácido Poliláctico) são:

  • Extrusão de fibra: sacos para chá, roupa.
  • Moldação por injeção: caixas para jóias.
  • Compostos: com madeira, PMMA.
  • Termoformação: tabuleiros para bolachas, copos.
  • Moldação Sopro: garrafas de água (não carbonatada), sumos frescos, garrafas para cosméticos.